15 junho 2006

Filhos da Nação e filhos da puta

Segundo uma noticia do diário económico, o Estado pagará a mobilidade dos funcionários. Financiamento de casa, apoios na deslocação e ajudas à família. Mais uma vez, o governo lixa todos aqueles que não somos funcionários. Dois exemplos para reflexão:

1- Se um funcionário das finanças de Lisboa for para o Sabugal, o governo vai-lhe pagar metade da renda da nova casa, mais os custos inerentes à mudança, ajudas de custo à família e sabe-se lá mais o quê. Se for proprietário, o funcionário alugará a sua casa em Lisboa pelo triplo do que paga em Sabugal e passa a ganhar ainda mais, fazendo o mesmo, senão menos.

2- O Zé Miguel, operário têxtil de Santo Tirso no desemprego, para ganhar a vida vai procurar trabalho em Espanha. Sai ao domingo à noite e volta na sexta feira, quando não está ausente um mês inteiro ou mais, se a distancia for grande. Deixa a casa, a mulher e os filhos. O Estado está-se nas tintas que o Zé Miguel durma num palheiro, que não veja os filhos e a mulher durante uma semana, um mês ou ano.
Uns são filhos da Nação, outros são filhos da puta.

NDS.

3 Comentários:

Às 01:15 , Anonymous Anónimo disse...

Vai para funcionario!
A inveja é uma merda!
principalmente quando invejas a miseria dos outros!

 
Às 20:40 , Anonymous Anónimo disse...

Where did you find it? Interesting read online patanol pharmacy Bestair hepa replacement air filter Appliance 4 prong wall plugs

 
Às 13:45 , Anonymous Anónimo disse...

Very nice site! »

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial